Medicina

Juiz-foranos serão orientados sobre uso racional de medicamentos

Juiz-foranos serão orientados sobre uso racional de medicamentos”

Os dados e orientações sobre os riscos da automedicação, sobre qualidade dos medicamentos e sobre descarte correto de remédios foram passadas para a população nesta quinta-feira, Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos, durante uma ação o curso de Farmácia e a Farmácia Solidária da Unesc.

Segundo o profissional, a campanha nasceu do movimento estudantil da área de farmácia. A estimativa é de que cerca de 20 mil pessoas morrem por ano em decorrência do uso incorreto dos medicamentos.

Concentrados nos parques municipais das três cidades, a partir das 16h, os profissionais prestarão atendimento individual e coletivo sobre uma das principais causas de intoxicação no País, a ingestão indevida de medicamentos. Estima-se que mais de 20% das pessoas que se intoxicam são devido a utilização de um medicamento. Intoxica mais que acidentes com animais venenosos. "Após algum tempo com esse medicamento guardado, a pessoa, por equívoco, pode pensar que se trata de um medicamento para dor ou azia e pode fazer uso dessa substância, que tem um poder de aação muito maior que um analgésico ou um antiácido.", destaca Almeida, citando o exemplo de antibióticos, que aumentam a resistência bacteriana, tendo demonstrado-se um problema real e crescente, além de outros produtos de alta ação farmacológica, como medicamentos utilizados no tratamento contra câncer e substâncias administradas em tratamentos hormonais.



Somo este

Más reciente




Rekomendado