Mundo

Coreia do Norte faz novo teste de mísseis

Coreia do Norte faz novo teste de mísseis”

Por sua vez, o ministro dos Negócios Estrangeiros sul-coreano, Yun Byung-se, e o seu homólogo japonês, Fumio Kishida, também acordaram por via telefónica reforçar a cooperação entre Seul e Tóquio para parar o que consideram provocações do regime de Kim Jong-un.

O governo do Japão informou que a Coreia do Norte lançou neste domingo (05), quatro mísseis balísticos em direção ao Mar do Leste (Mar do Japão).

De acordo com o porta-voz do governo japonês, Yoshihide Suga, três dos quatro projéteis caíram na Zona Econômica Especial (ZEE), espaço que se estende cerca de 370 quilômetros desde a costa do Japão.

A Coreia do Norte continua seus testes nucleares apesar de todas as reações.

Um dos projéteis voou pelo menos mil quilômetros antes de cair no oceano, segundo um comunicado do Estado-Maior Conjunto (JCS) da Coreia do Sul. "Os lançamentos representam uma clara violação das resoluções do Conselho de Segurança [da ONU] e uma ação extremamente perigosa".

A atitude de Pyongyang também foi condenada pela União Europeia, segundo a agência de notícias France Press.

Os lançamentos também surgem em um momento em que a Coreia do Sul e os EUA realizam exercícios militares anuais que Pyongyang chamou de prelúdio para uma invasão, e logo após o início do Congresso Nacional do Povo em Pequim - uma reunião destinada a exibir o controle do presidente Xi Jinping sobre os assuntos internacionais e domésticos.

Hwang também pediu que se conclua a instalação do polêmico sistema antimísseis THAAD em território sul-coreano para "fortalecer a capacidade de dissuasão" perante os mísseis norte-coreanos.

Outro especialista, Kwak Tae-Hwan, o ex-chefe do Instituto de Unificação Nacional da Coreia do Sul, sublinhou que a administração do presidente dos EUA está agora ponderando a instalar armamentos nucleares táticos na Coreia do Sul, o que contradiz a ideia de desnuclearização da Península Coreana e pode mesmo levar a uma guerra nuclear na região.



Somo este

Más reciente




Rekomendado