Mundo

Chuvas deixam mais de 100 mortos — Colômbia

Chuvas deixam mais de 100 mortos — Colômbia”

Fortes chuvas estão atingindo a capital do departamento de Putumayo nas últimas horas, segundo a Cruz Vermelha.

"Acabam de reportar que estamos em 112 (mortos)".

Santos disse que "infelizmente é possível que o número de vítimas aumente" porque há muitos desaparecidos, embora não tenha divulgado nenhum número a respeito.

Segundo Carlos Ivan Marquez, diretor geral da Unidade Nacional para a Gestão de Risco de Desastres, a enxurrada ocorreu cerca meia-noite, na sequência de fortes chuvas, que levaram um rio a transbordar, e surpreenderam os residentes que dormiam.

O número de mortos cresceu progressivamente ao longo da manhã. O governante comentou que "30% da chuva de um mês aconteceu ontem à noite e isso gerou um repentino aumento de vários rios", o que produziu as avalanches.

Segundo informação do responsável do exército no local, os serviços de urgência do principal hospital da cidade de Mocoa colapsaram devido à quantidade de feridos que deram entrada.

O oficial detalhou que também "estão sendo feitos esforços de busca no setor de Puerto Limón, onde apareceram alguns corpos".

Sobre a situação em Mocoa, cidade situada no meio da floresta da região amazônica que só se comunica com o restante do país por via aérea e por uma precária estrada, o militar afirmou que já começaram a chegar auxílios, apesar das dificuldades de acesso. Na nota, o governo brasileiro "manifesta profundo pesar pelas perdas humanas e materiais" ocasionadas pelas enchentes e deslizamentos de terra e se solidariza com as famílias das vítimas, o governo e o povo colombiano.



Somo este

Más reciente




Rekomendado