Local

Operação Escamoteamento - PRF desarticula grupo que desviou recursos de município piauiense

Operação Escamoteamento - PRF desarticula grupo que desviou recursos de município piauiense”

O Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União combate nesta sexta-feira, 7, empresas fantasmas e fraudes de R$ 18 milhões no Piauí. Estão sendo cumpridos quase 100 mandados, sendo 46 de busca e apreensão, 36 de condução coercitiva, 13 de prisão preventiva e ainda sequestro de bens. Os presos foram trazidos do Estado do Ceará, de onde comandavam o esquema de fraudes em licitações em prefeituras do Piauí, do Maranhão e do próprio Ceará. A a\xe7\xe3o \xe9 realizada em parceria com o Minist\xe9rio P\xfablico do Piau\xed, o Minist\xe9rio P\xfablico do Cear\xe1, a Pol\xedcia Rodovi\xe1ria Federal, o Tribunal de Contas do Piau\xed, as Pol\xedcias Civil e Militar do Piau\xed, o Tribunal de Contas da Uni\xe3o e o Minist\xe9rio P\xfablico Federal.

As fraudes contavam com a participação de servidores do município e de representantes das empresas.

A opera\xe7\xe3o teve como base fiscaliza\xe7\xe3o da CGU que apurou a exist\xeancia de empresas "fantasmas" contratadas de forma fraudulenta, entre 2013 e 2015, em Cocal. "Nós temos 120 policiais envolvidos, temos o apoio do Grupo de Operações Especiais de Brasília, utilizamos uma aeronave que voou pela primeira vez nessa região para operar numa ação, e trabalhamos com 40 viaturas". Para isso, valiam-se de empresas sem capacidade operacional, algumas inclusive sem sede física, para dar aparência de legalidade às contratações realizadas. Segundo o coordenador da Gaeco, Rômulo Cordão, no Piauí, foram desviados cerca de R$ 19 milhões de reais entre indisponibilidade de bens, sequestros de bens, bloqueio de contas bancárias. Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal.



Somo este

Más reciente




Rekomendado